GETs

Grupos de Estudos Temáticos

Os GETs são grupos de estudo com prazo definido, que buscam o conhecimento e a integração pessoal quanto aos temas de relevância cristã e ou social.

Os GETs podem promover aulas, palestras, seminários, fóruns e quaisquer outras atividades que estimulem a discussão e estudo dos assuntos abordados. Podem ser convidados especialistas para trazer mais profundida aos estudos.

O Grupo de Estudo é o nosso modelo base de formação de conhecimento e ação. Cada grupo se inicia com propósito de capacitação do próprio grupo de estudos e elaboração final de ações e ou materiais que beneficiem as comunidades cristãs e a sociedade.

O resultado esperado padrão dos grupos é promover conhecimento fundamentado. Podendo resultar em aulas e materiais literários ou audiovisuais, bem como outras ações ou processos atuantes, gerando impacto positivo sobre o mundo.

A participação em um grupo se inicia por convite, levando em consideração a disponibilidade pessoal de cada membro na produção junto ao grupo.


GETs em atividade:

Relacionamentos Disfuncionais

Descrição: Estudo das relações humanas quanto a sua funcionalidade, abordando: Carência; Defraudação; Responsabilidade Afetiva; Dependência Emocional; Co-Dependência Emocional; e Contra-Dependência Emocional.

Prazo: 1 ano.

Objetivos: Elaboração de curso sobre o tema, formação de palestrantes e orientadores. Desenvolvimento de material literário e didático. Formação de grupo de apoio mútuo para pessoas que desejam trabalhar as suas ações quanto a questões de suas relações disfuncionais.

Responsáveis: Ray Marques e Paty.


GETs em planejamento:

Relacionamentos Filiais

Descrição: Estudo das relações humanas de filiação, e seus impactos na formação do indivíduo e da sociedade. Abordando: Parentalidade; Filiação; Orfandade real; Orfandade funcional; Adoção; Individuação; e Socialização.

Prazo: 1 ano.

Objetivos: Elaboração de curso sobre o tema, formação de palestrantes e orientadores. Desenvolvimento de material literário e didático. Compreensão das estruturas jurídico-legais de adoção, estatísticas para promover um modelo de ação de enfrentamento da questão de orfandade.

Responsáveis: Dutra.